5 dicas que todo empreendedor digital deve seguir para ter sucesso

Empreendedorismo

Invista em um curso, siga um planejamento e fique sempre por dentro das novidades do mercado digital

Por conta do alto índice de desemprego que atinge o país, o número de empreendedores cresce todos os dias. Segundo uma pesquisa realizada pelo Sebrae/IBQP em 2017, o número de empreendedores entre 18 a 34 anos na fase inicial cresceu de 50% para 57%. O problema é que muitos deles, por não seguirem um planejamento e não se manterem atualizados com as mudanças no mercado, fecham as portas antes mesmo de o negócio completar cinco anos.

De acordo com Bruno Pinheiro, CEO da Be Academy, edtech de empreendedorismo digital do Brasil, o número de empreendedores também tem aumentado por conta do perfil do jovem de hoje, que busca independência. “O problema é que o empreendedorismo tem mudado depois do avanço tecnológico e muitos ‘mergulham’ nesse mundo achando que é uma jornadafácil, porém, a concorrência está maior e os consumidores mais exigentes”, avalia o especialista.

Para Pinheiro, o que tem causado as principais dificuldades no empreendedorismo é a disrupção do mercado em geral, que encontra-se em constante mudança. “Quem não apostar no digital – como e-commerces, blogs e aplicativos – vai ficar para trás. Não importa o setor, o perfil do consumidor é outro, as pessoas querem mais praticidade e economia”, completa.

Abaixo, Pinheiro lista dicas para os novos empreendedores digitais:

  • Invista em um curso

Realizar um curso de empreendedorismo de capacitação, muitas vezes, é uma questão deixada de lado para quem está começando – principalmente os jovens, que alegam não terem tempo. Porém, mesmo para aqueles que colocam a praticidade em primeiro lugar, já existe a opção de procurar uma Edtech de Ensino à Distância, que ensina as melhores técnicas para empreender nesse meio digital.

“Uma escola de negócios irá mostrar o passo a passo para acompanhar as tendências, ensinar a fazer uma pesquisa do cenário do mercado em que você deseja investir e, o mais importante, irá te munir com as ferramentas para saber usar as redes sociais ao seu favor e atrair clientes”, salienta Pinheiro.

  • Siga um planejamento

Se você quer empreender em 2019, será preciso ter em mente que o começo nunca será fácil e, provavelmente, não irá ganhar muito dinheiro nos primeiros meses, ou no primeiro ano. Para aqueles que pensam que empreender é mais fácil do que ficar em um emprego fixo, podem estar muito enganados. É preciso dedicação, foco e organização.

“A questão do tempo é primordial no início. Recomendo, que pelo menos no começo, não deixem o emprego atual, mesmo que a rotina se torne cansativa. Trace um planejamento, coloque em ordem de prioridade o que deve ser feito e espere o seu negócio decolar – mesmo que isso te custe menos horas de sono”.

  • Fique por dentro das novidades do mercado digital

Como grande exemplo do mercado digital, podemos citar o Netflix, o Rappi, IFood, Uber, entre outros. É possível perceber que a tendência de baixar um aplicativo e receber um produto em casa, por meio de um serviço online, já invadiu a maioria dos setores – seja alimentação, transporte, saúde, entre outros. E a expectativa é que, nos próximos anos, cada vez mais serviços digitais ganhem força, e algumas profissões deixem de existir.

“Quando for pensar na ideia do seu negócio, pesquise o cenário, cheque se este segmento será promissor e se existe uma forma de trazer a ideia para o meio digital. Isso certamente te ajudará a alcançar o sucesso”, diz ensina Bruno.

  • Saiba usar as redes sociais a seu favor

Gravar vídeos de qualidade, escrever textos com palavras-chaves atrativas para o blog da empresa, criar artes e imagens que chamem a atenção do leitor e de um potencial cliente, são medidas essenciais que devem estar incluídas no plano empreendedor.

“Crie um Instagram, um site – que contenha um blog com textos de relevância-, uma página no Facebook, no LinkedIn e, se preciso, até um canal no Youtube. Tudo que puder fazer para ser visto é válido”, comenta.

  • Seja resiliente

Você sabe o significado da palavra resiliência? É a capacidade do ser humano de lidar com problemas, se adaptar a mudanças e momentos estressantes. Essas ocasiões não ocorrem apenas para quem tem que lidar com um chefe. Para quem deseja empreender, os desafios também surgem no meio do caminho, e farão com que você queira desistir em diversos momentos.

“Por conta da concorrência e das exigências do consumidor moderno, empreender no meio digital não é fácil. Você terá que ficar de olho nas últimas tendências do mercado e segui-las. Caso contrário, correrá um grande risco de ficar para trás e entrar naquela porcentagem das empresas que fecham as portas antes dos cinco anos de vida”, alerta Pinheiro.

Por: itmidia/redação

Até o próximo artigo

 

 

Curte e comenta
error

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *